Bíblia de 1854 do acervo do Museu Histórico de Bauru é digitalizada

Importante registro histórico agora poderá ser utilizado para fins acadêmicos.
A Bíblia histórica luterana (Foto: Divulgação)

Importante registro histórico agora poderá ser utilizado para fins acadêmicos.

Em 1979, o Museu Histórico Municipal de Bauru havia recebido uma doação inédita para seu acervo. Elzio Bertaglia e Marco Antônio Leite entregaram uma Bíblia, datada de 1854, cuja tradução para o alemão foi feita pelo líder da reforma Protestante Martinho Lutero. Agora, esse documento histórico centenário passa a ser público por meio de um arquivo digital.

Processo garantiu a integridade da obra que passa a ficar disponível ao público em formato digital (Foto: Divulgação)

A digitalização, feita por uma empresa especializada, a DB-ON, garante segurança às informações e vida longa aos documentos. O serviço foi realizado gratuitamente. “A digitalização traz também a possibilidade de ter documentos em alta resolução que permitem que sejam feitas ampliações sem afetar a qualidade dos mesmos, a praticidade na localização dos arquivos por meio de pastas digitais, a diminuição do risco de fraudes, e redução dos gastos com copiadores e do espaço necessário para o armazenamento dos arquivos”, explica Bruno Carvalho, proprietário da empresa.

Como o livro fica protegido de contato físico para evitar estragos, os pesquisadores não têm autorização manusear a obra original. Agora, a disponibilização do arquivo digital poderá ampliar o acesso do público aos textos da Bíblia para fins acadêmicos.

(Com informações da Prefeitura Municipal de Bauru)

Total
0
Shares
Relacionado

Nós utilizamos cookies e tecnologias semelhantes. Ao continuar navegando, entendemos que você concorda com o uso desses recursos para aprimorar sua experiência neste site. Conheça nossa política de privacidade.